Sada Cruzeiro leva bronze no Mundial de Clubes

37

No Campeonato Mundial de Vôlei, que terminou no domingo (17), na Polônia, o Sada Cruzeiro precisava deixar para trás a derrota que sofreu no dia anterior para o Zenit Kazan, na semifinal. Era hora de esquecer o que passou e focar no Belchatow (POL), time da casa que contou com a boa presença da sua torcida na Tauron Arena para incomodar os tricampeões do mundo no primeiro duelo na história dos dois times.

Diante do ex-time do levantador celeste Nico Uriarte, o Sada Cruzeiro estava em busca da terceira vitória em cinco jogos para sair da Cracóvia no pódio e com uma lembrança favorável para trazer de volta ao Brasil. Sem deixar o resultado recente influenciar, foi com uma atuação consistente que o time celeste conseguiu alcançar seu objetivo ao vencer por 3 a 0 (25/19, 25/18 e 25/13). Dentro da edição do Mundial considerado a mais dura de todas as já realizadas, o terceiro lugar não foi nada mal.