Ramacrisna é eleita um dos melhores lugares para se trabalhar

309
Fachada do Instituto Ramacrisna. Imagem: Ramacrista/divulgação

O Instituto Ramacrisna de Betim está do Ranking GPTW – Great Place To Work que seleciona as melhores empresas para se trabalhar no Brasil. O instituto é o único representante de Minas Gerais e alcançou o prêmio na categoria Terceiro Setor. Além de Minas, estão ganhadores também de Pernambuco, Alagoas, Ceará, São Paulo, Rio de Janeiro e Bahia completam o ranking

A vice-presidente da Ramacrisna, Solange Bottaro, destaca a importância desse prêmio como forma de valorizar ainda mais o trabalho realizado pela instituição. “Estamos lisonjeados em receber um prêmio de tamanha importância. É um incentivo para continuarmos e a certeza de que estamos no caminho certo”, comenta.

O Ranking Melhores Lugares Para Trabalhar é o padrão de excelência para definição de excelentes ambientes de trabalho e o Great Place to Work é pioneiro em conduzir essa pesquisa presente em todo o mundo, em mais de 50 países, nos seis continentes. O ranking contempla Organizações da Sociedade Civil (OSC), ONGs, Institutos, Fundações e Associações.

OUTRAS PREMIAÇÕES

A Ramacrisna coleciona outras premiações, como o selo “Melhores ONGs”, promovido pela Revista Época e Instituto DOAR que leva em consideração critérios como a gestão e transparência da Instituição; a certificação internacional “Great Place to Work (GPTW)”, que reconhece os melhores lugares para se trabalhar; e o Prêmio Itaú-Unicef na categoria Grande Porte Regional Belo Horizonte, com o projeto “Escola Integral”, que busca o desenvolvimento integral dos alunos, acreditando na educação como uma ferramenta de transformação. Esse último considerado o maior do Brasil no campo da educação com chancela da UNICEF – Fundo das Nações Unidades Para a Infância.